sexta-feira, 9 de agosto de 2013

corpo

esquecido: o corpo e a razão do corpo, o seu mover e o seu esperar. abandonado ou adiado, despido de tempo e de memória num secreto repouso de água na pedra. quase silencioso, quase subterrâneo. corpo suspenso, corpo preso por cordas cortadas. fundeado em dias sem horas. à espera duma razão, fugindo duma razão. corpo construído. sucessivo corpo. barco, veleiro, navio. corpo ilha. corpo corrente. atravessado, trespassado, guardado. 

oh! caligrafia dos amantes, sílaba longa dos loucos. túmulo e altar. pira de sacrifícios e de graças, lugar do todo e do nada, do cheio e do vazio.

gil t. sousa


Sem comentários:

Publicar um comentário